JBN Guardanapos Especiais

Etiqueta

Almoço de negócios no exterior: 5 gafes a serem evitadas! (parte I)

Quando vamos a negócios para outro país devemos nos atentar aos detalhes de cada cultura, vestimenta, modo de falar, etc. O que pode ser comum no seu país pode não ser em outro. Nunca é errado pesquisar e informar-se antes de visitar um país para evitar cometer equívocos e poder aproveitar melhor as oportunidades de negócios sem gafes.

Informar-se, pesquisar, conhecer a cultura de um país antes de visitá-lo, especialmente se for a negócios, sem sombra de dúvidas deve fazer parte do “check-list” da sua viagem.

Muitas vezes achamos que fazemos coisas rotineiras aqui e que podemos repeti-las em outro país. Engano! Muitas são as gafes cometidas em uma mesa de negócios pelo simples fato dos empresários não perguntarem ou pesquisarem, com antecedência, sobre os costumes de cada região.

Na Itália, por exemplo, você deve agradar seu interlocutor pelo título de Doutor, Senhor, Engenheiro e seguido do seu sobrenome. Na França, as pessoas são sempre chamadas pelo sobrenome em reuniões de negócios. Nos EUA, convém perguntar como a pessoa prefere ser chamada.

Na Alemanha, por mais calor que esteja, tirar o paletó e arregaçar as mangas é sinal de desleixo e falta de educação. Assim como ficar sentado largado na cadeira é considerado grosseria na Suiça.

Algumas dicas são preciosas antes de viajar para outro país. Atente-se nos detalhes como:

1)      Tome cuidado como alguns gestos públicos, como: assoar o nariz na rua, ninguém faz isso na Coréia do Sul, bem como, no Japão, ninguém espirra diante das outras. Em Seoul, prefira as passagens subterrâneas para atravessar ruas e avenidas, não tente atravessá-las, como fazemos aqui. Na Suiça, os pedestres que atravessam fora da faixa ou com o sinal vermelho são advertidos. Na Tailândia, casais não devem trocar carícias, se beijar na frente dos outros. Nos EUA e Paris, os esbarrões devem ser acompanhados por “Excuse” me ou “Pardon me”.

2)      As roupas são detalhes que nos países islâmicos, as mulheres andam cobertas da cabeça aos pés, inclusive os cabelos são escondidos. Os homens são vestidos com camisa longa e calças compridas. Na Índia evite roupas justas e decotadas. No Egito use a cor roxa se estiver de luto.

3)      Algumas formas de cumprimento são diferentes ao redor do mundo, como por exemplo, na Rússia você pode ser recebido com um beijo na bochecha ou na Nova Zelândia receber uma cuspida no pé. Os orientais curvam-se para demonstrar respeito. Nos países islâmicos, utilize a mão direita para tocar o coração, testa e acima da cabeça. Nos EUA, não se costuma trocar beijinhos, apenas o aperto de mão. Na Alemanha, na hora do cumprimento tire a outra mão do bolso.

4)      Sinais tidos como tradicionais, normalmente, não são universais. Como o círculo feito com o polegar e o dedo indicador, que para nós é gesto obsceno, nos EUA significa OK. No Japão quer dizer dinheiro. Na Alemanha é chamar alguém de idiota. Nos países árabes, mostrar a sola do sapato ao cruzar as pernas é grosseiro. Mostrar a palma da mão para um grego é a pior ofensa. Na Itália, não aperte as frutas antes de comprá-las, eles ficam furiosos.

5)      Evite assuntos polêmicos como política, religião e futebol. O senso de humor varia entre os países.

Cuidado com os gestos, maneira de falar, abordar assuntos polêmicos em um almoço de negócios! Um comportamento agradável pode ser decisivo para o fechamento de uma proposta.

Autor:
Categorias Destaque, Etiqueta

Etiqueta e boas maneiras em uma refeição de negócios

Quando se trata de negócios, o excesso de informalidade pode fazer você perder clientes ou perder negócios! Um comportamento ruim pode levá-lo a ser banido por isso, podendo perder uma boa oportunidade que possa estar esperando!

É muito importante saber lidar com situações do dia a dia para manter a boa imagem e educação, especialmente, em ambiente de trabalho. 

Em qualquer ocasião, especialmente, quando marcar almoços ou jantares, o essencial é a pontualidade. O uso do traje adequado é um fator importante, dependendo do local que você tem que ir. Caso se atrase, o ideal é ligar para avisar.

Em uma reunião, lembre-se do nome das pessoas antes de iniciar, tente memorizar o nome de cada uma delas. Não se esqueça de usar a forma de tratamento mais adequada, como Senhor, Senhora, Doutor, etc.

Em uma reunião, que o local é um restaurante, tente respeitar um cronograma bem definido com antecedência. Controle o tempo, de forma com que as conclusões sejam finalizadas antes que todos se levantem.

É muito gentil, por parte da empresa, enviar um brinde após a reunião em forma de agradecimento ou parabenizando pela condução da reunião. Esse comportamento melhora a aproximação entre os parceiros de trabalho. Cuidado com o excesso, para não parecer falsidade!

Cuidado com o celular! Nesses almoços e jantares de negócios, tente desligar o celular ao iniciar o contato com o outro cliente. Caso contrário, pode parecer que você não está interessado em fechar um negócio com ele, pode parecer descaso com o outro. Se tiver que atender, peça desculpas e retire-se da mesa sendo muito breve na conversa ao telefone.

Existem algumas situações embaraçosas como deixar cair um copo cheio, esquecer o nome de alguém, sujar a roupa com a comida, especialmente, molhos, etc. Não há receita certa para tais situações, apenas use o bom senso para que você não agrave mais a situação. Um pedido de desculpas, um pouco de bom humor e sutileza não fazem mal a ninguém. Não tem jeito, todos já passaram por situações embaraçosas um dia!

A etiqueta à mesa é muito importante, apesar de muitos acharem que é frescura. Mas a liderança positiva, características especiais, comportamento bom em público são exemplos bons no mundo dos negócios.

Autor:
Categorias Destaque, Etiqueta

Gorjeta para o garçon: dar ou não?

Há muitas dúvidas sobre pagar ou não a gorjeta para o serviço prestado nos restaurantes. Qual é a orientação predominante a respeito?

A gorjeta faz parte da cultura de muitos países, inclusive, a gorjeta para muitos estrangeiros é a parte maior do salário do empregado.

No Brasil, não levamos tão a sério as gorjetas como nos outros países. Mas mesmo assim é ainda a preocupação de muitos na hora de pagar a conta no restaurante, se devemos ou não pagá-la.

Ela é uma mera liberalidade, você paga se você quiser, já que é uma generosidade do cliente. A lei não obriga o cliente a pagar, ainda mais se o serviço não foi bem prestado.

Ela é apenas uma contraprestação do serviço prestado, apesar do art. 457 da CLT – Consolidação das Leis do Trabalho dizer que a gorjeta integra a remuneração do empregado, com isso, ela faz parte do salário do empregado.

A questão é bem conflituosa para muitos especialistas no assunto, já que muitos acham que a gorjeta poderia ser exigida nas contas, apenas não as pagando quem for mal atendido ou que a empresa não deixar claro que a verba será repassada aos seus empregados.

Porém, a doutrina majoritária adotou o critério facultativo sobre as gorjetas, paga quem quer, diferente da Alemanha, por exemplo.

Se você for imposto a pagar a gorjeta por algum restaurante, ele está agindo errado. Pois o Procon poderá ser a solução dos problemas, será aberto um processo e poderá a quantia ser ressarcida.

Na maioria das vezes, as pessoas pagam a taxa sem maiores questionamentos, por ser uma regra de comportamento habitual no Brasil.

Vale a pena refletir sobre essa gorjeta, de valor pequeno, que muitos negam a pagá-la, mas é de tamanha importância para o trabalhador. Apenas deixe de pagar os 10% se o serviço for insatisfatório.

Autor:
Categorias Destaque, Etiqueta

Finger food: última invenção dos buffets

Finger food é uma nova sensação, são deliciosos e super práticos de fazer!

Muitos perguntam o que é “finger food”. A palavra quer dizer: comida que se come com as mãos. A comida é servida sem garfo ou faca, eles são petiscos que podem ser servidos sem prato.

Normalmente, ela é servida com colherzinha, palitinhos, copinhos, cumbucas, etc.

Muitos buffets adotam esse estilo de comida para facilitar servir para os convidados e ser prático e de muito bom gosto. Hoje em dia há inúmeras receitas deliciosas e muito caprichadas para serem servidas em qualquer tipo de evento.

A forma de como se serve o cardápio é de forma diferenciada e agregam muito o visual de uma festa. As receitas vão desde um simples petisco, canapés e sticks até as miniaturas sofisticadas e cumbucas com delícias diferenciadas.

Esse tipo de Buffett barateia o serviço e a maneira de servir. Os convidados são recebidos em grande estilo e tornou-se uma excelente opção para todos os tipos de eventos, como aniversários de 15 anos, bodas de prata, ouro, formaturas e casamentos.

Eventos mais modernos já aderiram essa idéia. O Buffett é feito pelas suas próprias mãos e feitos de maneira artesanal. Essa moda veio para ficar e sem dúvida é uma ótima opção para quem vai receber os amigos em casa também.

Os benefícios são a variedade dos sabores em uma só refeição e são porções menores degustadas de uma só vez. Uma outra opção é adaptar temas e fazer refeições temáticas, como japonês, mexicano ou havaiano.

Muitos utensílios são adaptados para facilitar a forma de servir, como: tigelinhas, potinhos, cumbucas, colherzinha, palitinhos, tacinhas, guardanapos. Essa é uma forma de deixar o Buffett mais barato!

Essa idéia chegou para ficar no Brasil e já estão no cardápio da maioria dos buffetts! E o melhor de tudo é que no fim da festa não tem um monte de louça para lavar!

Algumas sugestões que são usadas no Finger Food são: canapé de peras com gorgonzola, bolinho de salmão defumado, mini bobó de camarão, quiche de queijo, wrap de peito de peru, entre outros.

É a última moda do momento!

Autor:
Categorias Etiqueta

A origem do licor

Bebida, normalmente usada como um tira gosto ou após as refeições. Mas como surgiu o licor?

Licor é uma bebida alcoólica doce, normalmente, feita com frutas, ervas, temperos, flores, sementes, raízes ou cascas de árvore.
Normalmente, eles não são envelhecidos por muito tempo, mas demoram para atingir um sabor ideal. O ideal é servir após as refeições.

A sua composição é com açúcar, xarope, álcool, frutas, plantas e ervas. São eles que dão um sabor característico à bebida.
Essa infusão e destilação da bebida é conhecida desde a Antiguidade. Desde a época dos Hipócrates, Galeno e Plínio já escreviam sobre o assunto. Mas os árabes que inventaram o álcool por meio da fermentação.

Na Idade Média, o vinho era o principal anti-séptico. Os alquimistas é que seguiram adiante com as pesquisas. E logo adiante, com as pesquisas tinham aprendido como faziam a fermentação das bebidas e assim foram inventadas as demais.
Os licores podem ser seco, perfumado, de cereais, de frutas. Ela será caracterizada dependendo do material que ele é feito.

Autor:
Categorias Destaque, Dicas, Etiqueta

15 super dicas de Etiqueta à mesa

Algumas etiquetas à mesa são importantes saber para sair de situações embaraçosas, principalmente em refeições de negócio. Elas também ajudam a  construir uma imagem pessoal positiva. Aproveite a oportunidade para causar uma boa impressão!

Quinze dicas que irão fazer a diferença na hora H:

1)    Não se corta todo o alimento de uma só vez;
2)    Nunca sopre ou faça barulho ao tomar sopa e nem vire o prato da mesma;
3)    O pão é partido com a mão;
4)    Os cotovelos devem ser conservados próximos ao corpo;
5)    Caso descanse os talheres, deixe-os na forma do acento circunflexo sobre o prato;
6)    Ao chegar em uma reunião, não estenda a mão para quem já estiver se alimentando;
7)    Não use o telefone celular à mesa, exceto se for auxiliar na reunião;
8)    Caso você seja o convidado, não escolha o prato mais caro;
9)    Caso tenha dúvidas a respeito do cardápio, não há problemas em tirar as dúvidas com o garçom;
10)    Comece a comer depois ou ao mesmo tempo que os outros convidados;
11)    Não gesticule com os talheres e não fale com a boca cheia;
12)    Não palite os dentes em público;
13)    Não arraste a cadeira ao se levantar. Recoloque a cadeira no lugar!
14)    Prato bem decorado com legumes em forma de flor é possível comê-las!
15)    Limpe a boca antes de usar o copo. É deselegante deixar o copo marcado de batom.

Autor:
Categorias Dicas, Etiqueta

Festa de fim de ano também requer boas maneiras – parte 2

Uma ocasião que sempre deixa as pessoas preocupadas são as comemorações festivas da empresa. Calma, aqui vão algumas sugestões de qual a roupa mais apropriada, o que devemos conversar ou como se comportar.

festa de fim de ano tambem requer boas maneiras parte 2

Essas temidas festas de fim de ano são o alvo de dúvidas de comportamento dos funcionários. Mas para evitar essas gafes em ambiente profissional, seguem algumas dicas:

Não abuse nas bebidas alcoólicas!

A dúvida mais freqüente entre os funcionários é se pode ou não beber um vinho, cerveja ou whisky nessas festas de fim de ano. O fato é que a bebida nos deixa mais “soltinhos” e desinibidos e para evitar que isso ocorra é aconselhável beber um copo de água após cada copo de bebida de álcool ingerida. Não é proibido e nem feio beber socialmente e moderadamente.

Evite certos assuntos!

A conversa deve ser agradável, por isso, atente-se com o assunto que irá abordar. Lembre-se que ninguém gosta de comentar sobre doenças, problemas financeiros ou de saúde, especialmente, em uma festa entre amigos de trabalho em um momento de confraternização.

A conversa com o chefe durante a festa deve ser natural e espontânea. Nesse momento, além de conversar com o chefe, também é interessante fazer networking, aproximar-se das pessoas que você não conversa durante o ano, se apresentar e comentar sobre a festa, falar sobre sua função na empresa é uma forma de aproximação.

Etiqueta na hora de comer

A dica crucial nessa hora é: pegue os salgadinhos com a mão com o auxílio de um guardanapo limpo. Nunca se sirva com o guardanapo que você limpou sua boca, isso não é higiênico!

Caso haja um Buffet, é possível servir-se quantas vezes quiser, mas evite encher o prato de comida, isso todo mundo repara!

Posso levar acompanhantes na festa da empresa?

A regra é que se não foi combinado com antecedência, não é para levar ninguém. Às vezes, esse tipo de confraternização será chato para quem não participa e conhece os outros convidados. Além de correr o risco de essa pessoa prejudicar o seu “social” com os demais convidados.

O que vestir?

Tudo depende qual é o tipo de festa, em um clube, um churrasco, uma pizzaria, na própria empresa. Mas tente usar tecidos leves, acessórios mais descontraídos e pouca maquiagem. Evite: decotes exagerados, minissaias, bermudas, shorts e transparências. Já para os homens, evite: bermudas, shorts e tênis.

Caso seja em um clube, não é comum os executivos usarem sungas, maiôs e biquíni. Caso você almeje um cargo mais alto na empresa, a dica é evitá-los. Conhece a regra que o “menos é mais”?

 

Uma ocasião que sempre deixa as pessoas preocupadas são as comemorações festivas da empresa. Calma, aqui vão algumas sugestões de qual a roupa mais apropriada, o que devemos conversar ou como se comportar.

Essas temidas festas de fim de ano são o alvo de dúvidas de comportamento dos funcionários. Mas para evitar essas gafes em ambiente profissional, seguem algumas dicas:

Não abuse nas bebidas alcoólicas!

A dúvida mais freqüente entre os funcionários é se pode ou não beber um vinho, cerveja ou whisky nessas festas de fim de ano. O fato é que a bebida nos deixa mais “soltinhos” e desinibidos e para evitar que isso ocorra é aconselhável beber um copo de água após cada copo de bebida de álcool ingerida. Não é proibido e nem feio beber socialmente e moderadamente.

Evite certos assuntos!

A conversa deve ser agradável, por isso, atente-se com o assunto que irá abordar. Lembre-se que ninguém gosta de comentar sobre doenças, problemas financeiros ou de saúde, especialmente, em uma festa entre amigos de trabalho em um momento de confraternização.

A conversa com o chefe durante a festa deve ser natural e espontânea. Nesse momento, além de conversar com o chefe, também é interessante fazer networking, aproximar-se das pessoas que você não conversa durante o ano, se apresentar e comentar sobre a festa, falar sobre sua função na empresa é uma forma de aproximação.

Etiqueta na hora de comer

A dica crucial nessa hora é: pegue os salgadinhos com a mão com o auxílio de um guardanapo limpo. Nunca se sirva com o guardanapo que você limpou sua boca, isso não é higiênico!

Caso haja um Buffet, é possível servir-se quantas vezes quiser, mas evite encher o prato de comida, isso todo mundo repara!

Posso levar acompanhantes na festa da empresa?

A regra é que se não foi combinado com antecedência, não é para levar ninguém. Às vezes, esse tipo de confraternização será chato para quem não participa e conhece os outros convidados. Além de correr o risco de essa pessoa prejudicar o seu “social” com os demais convidados.

O que vestir?

Tudo depende qual é o tipo de festa, em um clube, um churrasco, uma pizzaria, na própria empresa. Mas tente usar tecidos leves, acessórios mais descontraídos e pouca maquiagem. Evite: decotes exagerados, minissaias, bermudas, shorts e transparências. Já para os homens, evite: bermudas, shorts e tênis.

Caso seja em um clube, não é comum os executivos usarem sungas, maiôs e biquíni. Caso você almeje um cargo mais alto na empresa, a dica é evitá-los. Conhece a regra que o “menos é mais”?


Autor:
Categorias Dicas, Etiqueta

Empresa familiar: como cuidar para que um almoço de negócios não vire uma reunião de família?

É muito comum encontrarmos empresas familiares, ou seja, que o seu irmão, pai ou mãe, sejam seus sócios, chefes ou subordinados. É difícil ter que lidar com certas situações do dia-a-dia da empresa e não misturar os sentimentos familiares nos problemas que aparecem, porque querendo ou não, você os conhece muito, todas as suas fragilidades e seus potenciais. Manter a postura profissional é essencial para o sucesso de seu negócio!

Imagine-se sentado em um almoço de negócios, porém, os membros da reunião são seus familiares. É muito comum, as pessoas misturarem os assuntos familiares com os de negócios.

Em primeiro lugar, atente-se que no momento da discussão não deve envolver apelidos costumeiros, vexatórios, que são usados na intimidade familiar. Segundo, é necessário ser sempre educado e ter uma postura profissional, mesmo que você esteja diante de seus pais, irmãos, tio, etc. E tente sempre não desviar do assunto em pauta, deixe os assuntos particulares para outro momento.

Assim, preste atenção em alguns detalhes, porque por mais intimidade que você tenha com seus familiares, certas atitudes são deselegantes, como por exemplo, atender ligações durante o almoço, enquanto discutem-se assuntos importantes, exagerar na bebida alcoólica, falar muito alto e não dar oportunidade para que os outros também participem.

O respeito acima de tudo é muito importante para que haja harmonia dentro e fora da empresa, porque palavras que saem da boca, nunca mais voltam. Uma frase mal colocada pode magoar pessoas queridas e atingir o seu relacionamento fora da empresa e tornar um almoço que seria agradável em indigesto.

Lembre-se que o almoço de negócios é uma extensão do escritório, da empresa, da fábrica, mesmo que seus participantes sejam seus familiares, esse pensamento deve ser lembrado, sempre.

Autor:
Categorias Destaque, Etiqueta

Confraternização na empresa: acerte na escolha do presente!

Fim de novembro, início de dezembro. As pessoas do trabalho já estão animadas em fazer uma confraternização de fim de ano na empresa. Mas é necessário pensar no presente certo porque o que é para ser divertido, não pode ser razão de constrangimento. Cada um tem um perfil diferente, com gostos diferentes, estilo de vida diferente, e o pior, você não tem intimidade com a maioria delas, especialmente seu chefe. E normalmente, o que acontece? Amigo secreto. E agora?


Depois do convite para um amigo secreto é interessante aceitá-lo, já que você pode ser considerado arrogante ou não participativo.

Uma coisa importante é estipular os valores máximos de quanto se quer e pode gastar, porque pode acontecer de uma pessoa receber um “presentinho” e a outra um “presentão”. É injusto!

Não precisa ficar intimidado com as brincadeiras antes de entregar o presente. Caso prefira, apenas diga o nome da pessoa e entregue o presente. Não há problema algum.

O principal é: cuidado com o que vai dar de presente! Não dê objetos intimistas, como: lingerie, perfumes, bebidas alcoólicas, bilhetinhos, mesmo que você tenha intimidade com a pessoa!

Procure dar um presente que combine com o estilo da pessoa, analise o perfil dela antes de escolher o presente. Não tente adivinhar o gosto. Caso sinta muita dificuldade, dê uma caixa de chocolates ou algo impessoal. O vale-presente é uma boa dica, pois a pessoa pode escolher o que ela quiser na loja, mas lembre-se em escolher uma loja que a pessoa goste.

Caso não goste do que ganhou, fique à vontade para realizar a troca. Mas não comente com os outros, isso é deselegante. Apenas agradeça pelo presente, guarde-o e troque-o depois.

Agora é só esperar o dia do amigo secreto! Divirta-se!

Autor:
Categorias Dicas, Etiqueta

Festa de fim de ano também requer boas maneiras!

O fim de ano está aí e começam a surgir várias festas de confraternização, com amigos do trabalho, da faculdade e até mesmo entre familiares.  Mas é importante ficar alerta para não dar vexame! Muitas empresas ficam de olho no comportamento social de seu colaboradores e sem falar do risco de abalar nossas relações pessoais numa data tão importante!


Cuidado com os Exageros
Provavelmente, nessa época do ano você será convidado para participar de alguma comemoração. Você pode até não se sentir à vontade, mas quase sempre, pelo menos de uma delas você precisa participar. Afinal, fortalacer vínculos é sempre importate, seja ele profissional ou pessoal. Mas nessa hora, todo cuidado é pouc. Algumas dicas podem ajudar a evitar problemas durante ou após a festa, como por exemplo: não sentar ao lado do chefe, pois eles nunca deixam a gente à vontade, além do quê, outros comentarão que você é puxa-saco dele! Tente não falar sobre assuntos de trabalho. Não fale mal dos outros. Não exagere na bebida alcoólica, isso é um perigo! Cuidado com o exagero na comida e na dança, caso haja música, mantenha a elegância.


Pontualidade e Agradecimentos
Muito importante em festas de fim de ano é chegar no horário estipulado pelos anfitriões e sempre agradeça pelo convite ou pelo jantar oferecido.


Discrição, sempre!
Não se esqueça de que se a festa for do trabalho, as pessoas te conhecerão melhor, fora do dia a dia, assim é melhor que você não exagere, vista roupas discretas, sem ser sexy ou fazer maquiagens chamativas.

 

Amigo Secreto
Caso haja um amigo secreto na empresa ou na família, tente pesquisar o que a pessoa gosta conhecer seu jeito para poder dar um presente que ela goste. Não dê perfumes, esse é um presente muito pessoal. E sempre respeite o valor estipulado, mesmo que seja seu chefe, o sorteado. O preço já foi estipulado para que ninguém faça diferença com ninguém.

 

Conheça seus Colegas
Aproveite a oportunidade para conhecer os colegas que não tem a oportunidade de conversar no cotidiano do seu trabalho, caso seja na sua família, é uma grande oportunidade de rever os entes queridos.


Convite para o Ano Novo
Caso tenha surgido um convite para passar o Ano Novo na casa de amigos. É sempre gentil levar flores, uma cesta de frutas secas da época, um vinho ou qualquer prato que você saiba fazer para servir na festa. Não custa perguntar ao anfitrião o que é melhor levar, esse gesto demonstra educação e não custa nada!

Autor:
Categorias Dicas, Etiqueta