JBN Guardanapos Especiais

Blog

Gorjeta para o garçon: dar ou não?

Há muitas dúvidas sobre pagar ou não a gorjeta para o serviço prestado nos restaurantes. Qual é a orientação predominante a respeito?

A gorjeta faz parte da cultura de muitos países, inclusive, a gorjeta para muitos estrangeiros é a parte maior do salário do empregado.

No Brasil, não levamos tão a sério as gorjetas como nos outros países. Mas mesmo assim é ainda a preocupação de muitos na hora de pagar a conta no restaurante, se devemos ou não pagá-la.

Ela é uma mera liberalidade, você paga se você quiser, já que é uma generosidade do cliente. A lei não obriga o cliente a pagar, ainda mais se o serviço não foi bem prestado.

Ela é apenas uma contraprestação do serviço prestado, apesar do art. 457 da CLT – Consolidação das Leis do Trabalho dizer que a gorjeta integra a remuneração do empregado, com isso, ela faz parte do salário do empregado.

A questão é bem conflituosa para muitos especialistas no assunto, já que muitos acham que a gorjeta poderia ser exigida nas contas, apenas não as pagando quem for mal atendido ou que a empresa não deixar claro que a verba será repassada aos seus empregados.

Porém, a doutrina majoritária adotou o critério facultativo sobre as gorjetas, paga quem quer, diferente da Alemanha, por exemplo.

Se você for imposto a pagar a gorjeta por algum restaurante, ele está agindo errado. Pois o Procon poderá ser a solução dos problemas, será aberto um processo e poderá a quantia ser ressarcida.

Na maioria das vezes, as pessoas pagam a taxa sem maiores questionamentos, por ser uma regra de comportamento habitual no Brasil.

Vale a pena refletir sobre essa gorjeta, de valor pequeno, que muitos negam a pagá-la, mas é de tamanha importância para o trabalhador. Apenas deixe de pagar os 10% se o serviço for insatisfatório.

Author:
Posted in: Destaque, Etiqueta

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>